Show simple item record

dc.contributor.advisorRocha Neto, Ivanpt_BR
dc.contributor.authorAugusto, Magda Mariapt_BR
dc.date.accessioned2017-03-18T02:24:42Zpt_BR
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/153391pt_BR
dc.description.abstractEste estudo discute como o trabalho influencia a construção da identidade e quais suas consequências frente à aposentadoria. Os sujeitos desta pesquisa são servidoras aposentadas de uma agência pública de fomento à ciência e tecnologia, localizada no Distrito Federal. Especificamente, buscou-se caracterizar o contexto de vida atual nas dimensões das relações sociais, das atividades ora desenvolvidas e suporte familiar; descrever as vivências de prazer e sofrimento e investigar os mecanismos utilizados para mediar o sofrimento. Foram realizadas duas entrevistas semiestruturadas coletivas que foram analisadas por meio da Análise de Núcleo de Sentido. Os resultados, com base nos depoimentos colhidos nas entrevistas, evidenciam o quanto o trabalho implica diretamente nas diversas formas de inserção social dos sujeitos e mostra a dificuldade e o sofrimento que emergem da perda da identidade social com a ausência do trabalho. Conclui-se que o sofrimento advindo da aposentadoria está fortemente relacionado à ausência de um projeto de preparação para a aposentadoria.pt_BR
dc.description.abstractThis study aims a discussion about how work influences the construction of identity and what its consequences forward to retirement. The subjects are retired servants of a public agency promoting science and technology, located in the Federal District. Specifically, it sought to characterize the current context of life in the dimensions of social relations, activities developed and family support; describes the experiences of pleasure and pain and investigates the mechanisms used to mediate suffering. Two semi-structured collective interviews were conducted and analyzed by the ANS. The results, based on interviews conducted; show how much work directly implies the various forms of social integration of subjects and shows the difficulty and suffering that emerge from the loss of social identity with absence of work. We conclude that the suffering arising from the retirement is strongly related to the absence of a preparing project for retirement.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectIdentityen
dc.subjectEmpregopt_BR
dc.subjectTrabalhopt_BR
dc.subjectWorken
dc.subjectAposentadoriapt_BR
dc.subjectRetirementen
dc.subjectIdentidade socialpt_BR
dc.subjectPsicodinâmica do trabalhopt_BR
dc.subjectRelações de trabalhopt_BR
dc.titleIdentidade, trabalho e aposentadoria : estudo com trabalhadoras aposentadas de uma fundação públicapt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.identifier.nrb001015796pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Ciências Básicas da Saúdept_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúdept_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2016pt_BR
dc.degree.leveldoutoradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record