Show simple item record

dc.contributor.advisorOro, Ari Pedropt_BR
dc.contributor.authorSaénz, David Adan Teixeirapt_BR
dc.date.accessioned2014-06-06T02:07:09Zpt_BR
dc.date.issued2014pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/96170pt_BR
dc.description.abstractEsta dissertação versa sobre o processo de construção da identidade a partir da questão religiosa de um grupo que se auto afirma Associação Evangélica da Missão Israelita do Novo Pacto Universal-AEMINPU, popularmente conhecidos como Israelitas, estabelecidos no Alto Solimões, na religião de fronteira do Brasil com o Peru. A questão principal dessa dissertação está centrada na prerrogativa de uma congregação religiosa originada no Peru adquirir uma notória expansão em meio ao espaço político e geográfico dentro deste país, e como estes dois aspectos, tanto o geográfico quanto o político, facilitaram na expansão deste movimento em terras brasileiras, alcançando assim região do Alto Solimões. De forma mais específica perceber a chegada dos primeiros Israelitas, como foram construídos, e constituídos, os primeiros espaços e a estruturação da religião no lado brasileiro. Buscou-se compreender os processos de identificação e autoafirmação dos integrantes desta religião, assim como os sentidos atribuídos à sua instalação na fronteira amazônica motivada por uma perspectiva milenarista e sua integração na sociedade benjaminense, especificamente sua inserção na economia local.pt_BR
dc.description.abstractThis dissertation is about the process of identity building based on a religious group called Associação Evangélica da Missão Israelita do Novo Pacto Universal-AEMINPU, locally known as Israelitas, established in the Alto Solimões region, in the Brazilian - Peruvian border. The core of this dissertation is that, in the prerogative of a religious congregation originated in Peru conquering a konwn expansion in the political and geographical aspects, it made it easy for this movement to expand throughout the brazilian land, reaching the Alto Solimões region. Specifically, perceiving the arrival of the first Israeli, how their spaces were built and conceived and their structure in the Brazilian side. We have tried to understand the processes of identification and self-assertion of the members of this religion, as well as the meaning given to their settlement in the Amazonian border, motivated by a Millenarianism perspective and their envolviment with the Benjaminian society, especially their insertion in the local economy.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectAntropologia socialpt_BR
dc.subjectMillenarianismen
dc.subjectAntropologia da religiãopt_BR
dc.subjectIsraelitasen
dc.subjectMigrationen
dc.subjectMilenarismopt_BR
dc.subjectIsraelensespt_BR
dc.subjectComunidade judaicapt_BR
dc.subjectCultura judaicapt_BR
dc.subjectReligiosidadept_BR
dc.subjectMigraçãopt_BR
dc.subjectBenjamim Constant (AM)pt_BR
dc.titleOs israelitas : religião, cultura e migração em espaços amazônicos : o caso da AEMINPU em Benjamin Constant, Amazonaspt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000917850pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Filosofia e Ciências Humanaspt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Antropologia Socialpt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2014pt_BR
dc.degree.levelmestradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record