Show simple item record

dc.contributor.advisorOliveira, Renato dept_BR
dc.contributor.authorProlo, Felipept_BR
dc.date.accessioned2012-04-24T01:21:33Zpt_BR
dc.date.issued2011pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/39523pt_BR
dc.description.abstractA presente dissertação tem como tema o processo de formação de um coletivo de estudantes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, intitulado Grupo de Trabalho de Ações Afirmativas (GTAA), que se propôs a estudar e reivindicar a implementação do sistema de cotas, nas modalidades étnico-racial e socioeconômica, na referida universidade. O intuito foi o de investigar tal processo, buscando fatores que explicassem sua ocorrência no contexto estudado, envolvendo os indivíduos participantes, o período histórico e as condições estruturais da instituição que permitiram seu surgimento. Aliando propostas teóricas sobre a ação social a partir da constituição de “projetos” individuais e coletivos e de estudos sobre ações coletivas a partir da noção de “estrutura de oportunidades políticas”,interrogou-se o objeto de estudo para captar o que concedeu sustentação a esta organização. A conclusão a que chegou-se é a de que a pauta cotas, menos do que por seu conteúdo intrínseco, foi adotada pelos membros do grupo como forma de atribuírem significados às suas atuações enquanto graduandos, face à disponibilidade encontrada para tal proposta, demonstrando que são nas “situações sociais” que produzem-se os fundamentos para o surgimento de ações políticas que buscam suas transformações.pt_BR
dc.description.abstractThe theme of this essay is the process of forming a collective of students from the Universidade Federal do Rio Grande do Sul, entitled Working Group on Affirmative Action (GTAA), which proposed to study and claim the implementation of the quota system, in modalities ethnic-racial and socioeconomic, at that university. The aim was to investigate this process, seeking factors that explain its occurrence in the context studied, involving individuals who participated, the historical period and the frame conditions of the institution that allowed its emergence. Combining theoretical proposals about the social action from the constitution of “projects” individual and collective and studies about collective action based on the notion of "political opportunity frames," the object of study was questioned to found what gave sustention to this organization. The conclusion arrived is that the agenda of quotas, less than its intrinsic content, was adopted by the group members as a way to assign meanings to their actions as graduates, given the availability found for this proposal, showing that are in the "social situations" that are produced the elements for the emergence of political actions that seek their transformations.en
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectAffirmative actionen
dc.subjectUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.subjectAções afirmativaspt_BR
dc.subjectQuotasen
dc.subjectEstudante universitáriopt_BR
dc.subjectProjecten
dc.subjectOpportunity framesen
dc.subjectAção socialpt_BR
dc.subjectGrupo de trabalhopt_BR
dc.subjectCollective actionen
dc.subjectSocial actionen
dc.subjectPolítica educacionalpt_BR
dc.subjectEducação superiorpt_BR
dc.subjectSociologia da educaçãopt_BR
dc.titlePossibilidades e oportunidades de atuação política : estudo sobre a formação do grupo de trabalho de ações afirmativas no processo de reivindicação por cotas no ingresso da UFRGSpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000826122pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Filosofia e Ciências Humanaspt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Sociologiapt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2011pt_BR
dc.degree.levelmestradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record