Show simple item record

dc.contributor.authorPfingstag, Maiquel Emersonpt_BR
dc.contributor.authorMuller, Iduvirges Lourdespt_BR
dc.contributor.authorSchaeffer, Liriopt_BR
dc.date.accessioned2011-08-04T06:01:23Zpt_BR
dc.date.issued2010pt_BR
dc.identifier.issn0870-8312pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/30574pt_BR
dc.description.abstractEstudou-se neste trabalho o comportamento à fadiga e à corrosão-fadiga de juntas soldadas da liga Inconel 625. Um dos pontos mais susceptíveis a sofrer esses processos de degradação é a região da solda uma vez que são geradas tensões residuais trativas evido ao processo de soldagem, e que é acentuada na presença de meios contendo elementos agressivos como cloretos, gás carbônico, entre outros. Os testes utilizados para avaliação desses fenômenos consistiram em curvas de polarização para caracterização do comportamento à corrosão, ensaios de tração ao ar e em presença do meio corrosivo, ensaios de fadiga e corrosão fadiga em máquinas tipo excêntrica, sendo os ensaios foram monitorados com sistema da aquisição de dados adequado. Esta liga demonstrou uma boa resistência a corrosão com um potencial de pite de 0,6 V, e uma boa durabilidade frente a fadiga e corrosão-fadiga, resistindo mesmo em tensões superiores às de trabalho a mais de 5 milhões de ciclos.pt_BR
dc.description.abstractIt was studied the fatigue and corrosion fatigue behavior of welded specimens of a nickel base alloy, namely Inconel 625. One of the most susceptible regions, to suffer these processes of degradation, since tensions are generated due to welding process, and is attenuated in the presence environment containing harsh elements with chlorine, carbon dioxide, among others. The tests used, in this work, to evaluate these phenomena, were polarization curves, slow strain rate technique, in air and in the presence of corrosive medium and fatigue and corrosion-fatigue tests using an eccentric type machine and an data acquisition system. This alloy shows a good corrosion resistance and a good behavior considering fatigue and corrosion fatigue tests, where even in stress levels higher than the ones used in service conditions, the number of cycles to failure of the specimens surpassed 5 million cycles.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofCiência e tecnologia dos materiais [recurso eletrônico]. Lisboa. Vol. 22, n. 3/4 (jul./dez. 2010), p. 65-69pt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectFatigueen
dc.subjectCorrosão-fadigapt_BR
dc.subjectLigas metálicaspt_BR
dc.subjectCorrosionen
dc.subjectNíquelpt_BR
dc.subjectInconel 625en
dc.titleAvaliação em relação à corrosão-fadiga de juntas soldadas da liga Inconel 625pt_BR
dc.typeArtigo de periódicopt_BR
dc.identifier.nrb000765316pt_BR
dc.type.originEstrangeiropt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record