Show simple item record

dc.contributor.authorSenna, Luiz Afonso dos Santospt_BR
dc.contributor.authorMichel, Fernando Dutrapt_BR
dc.date.accessioned2020-06-05T03:48:03Zpt_BR
dc.date.issued2000pt_BR
dc.identifier.issn1415-7713pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/210095pt_BR
dc.description.abstracto presente trabalho analisa a aceitação por parte dos usuários, do Programa de Concessões Rodoviárias do Rio Grande do Sul. A análise tomou por base pesquisa de preferência declarada realizada junto a usuários das rodovias gaúchas. Foi elaborada uma metodologia que estruturou a análise do impacto causado pela adoção do pedágio na percepção dos usuários em relação a quatro atributos (qualidade do pavimento, sinalização, serviços ofertados e preço do pedágio). Os atributos foram divididos em níveis, apresentados através de fotos que sintetizavam os cenários propostos. O modelo Logit multinomial foi utilizado no processo de modelagem. A análise dos resultados indica que tanto os usuários de automóveis quanto os de caminhões atribuem ao atributo pavimento um maior valor monetário do que a sinalização e serviços. Os resultados obtidos a partir da modelagem indicam que os valores atualmente praticados são aceitáveis para os usuários de automóveis. Os modelos sugerem que valores ligeiramente superiores continuariam a ter aceitação. Os caminhões, por outro lado, estão dispostos a pagar cerca de 80% do valor praticado à época.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofTransportes, Rio de Janeiro. Vol. 8, n. 2 (2000), p. [10]-31pt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectPedágio : Rio Grande do Sulpt_BR
dc.titleA aceitação do pedágio por parte dos usuários gaúchospt_BR
dc.typeArtigo de periódicopt_BR
dc.identifier.nrb000285505pt_BR
dc.type.originNacionalpt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record