Show simple item record

dc.contributor.advisorWagner, Mario Bernardespt_BR
dc.contributor.authorAraújo, Daiane Cristine dept_BR
dc.date.accessioned2012-03-14T01:20:21Zpt_BR
dc.date.issued2011pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/37466pt_BR
dc.description.abstractA prevalência da obesidade em crianças e adolescentes tem aumentado em diversos países do mundo, inclusive no Brasil. Esse fato está fortemente relacionado à mudança no estilo de vida e aos hábitos alimentares. A transição nutricional é um fenômeno caracterizado pelo aumento da ingestão de calorias e o consumo alimentar tem sido relacionado à obesidade não somente quanto ao volume de ingestão alimentar como também à composição e qualidade da dieta. O Healthy Eating Index (HEI, índice de alimentação saudável) é uma medida de adesão às recomendações dietéticas americanas. O HEI é composto por um escore de 100 pontos, onde 10 componentes alimentares são avaliados e destinados a avaliar a qualidade da alimentação, com a finalidade de monitorar as mudanças na ingestão dietética ao longo do tempo e como um instrumento base para elaboração das atividades de educação nutricional e promoção de saúde na população. Muitos estudos avaliaram a qualidade da alimentação através desse índice, alguns mostraram associação positiva entre o HEI e a ingestão de nutrientes essenciais. Porém, poucos estudos correlacionaram o HEI com marcadores de perfil lipídico. Este estudo se preocupa com o surgimento de alguns fatores de risco cardiovascular já na infância, e uma das causas relacionadas a esse problema seria o tipo de alimentação que as crianças consomem. Para avaliar a qualidade da dieta e marcadores de perfil lipídico, realizou-se um estudo transversal com a finalidade de investigar a associação entre o HEI e marcadores de perfil lipídico e o índice de massa corporal em escolares de sete e oito anos de idade, de baixo nível socioeconômico. A amostra foi constituída de 305 escolares, sendo 173 meninos e 132 meninas, a média geral de idade foi de 7,7 ± 0,4 anos, o excesso de peso foi diagnosticado em 27,2% das crianças, sendo que 11,5% foram classificadas como obesas. A média geral da pontuação do HEI foi 58,8 ± 7,7. Neste estudo foi encontrada uma elevada proporção de crianças com consumo alimentar que precisa ser melhorado e nenhuma criança com qualidade boa da dieta. Além disso, não foi possível mostrar associação entre o HEI e os níveis de lipídeos séricos nas crianças estudadas. Os resultados desta pesquisa, aliados a estudos de intervenção já feitos, destacam a necessidade de elaborar e implementar políticas e programas de nutrição nas escolas que tenham como alvo as crianças e suas famílias, com o objetivo de aumentar a ingestão de legumes, verduras, frutas e reduzir a ingestão de produtos industrializados, sódio e gorduras.pt_BR
dc.description.abstractThe prevalence of obesity in children and adolescents has increased in several countries including Brazil. This fact is strongly related to changes in lifestyle and eating habits. The nutrition transition is a phenomenon characterized by increased calorie intake and food consumption has been linked to obesity not only in the amount of food intake as well as the composition and diet quality. The Healthy Eating Index – HEI – is a measure of adherence to U.S. dietary recommendations. HEI is composed of a score of 100 points, in which 10 food components are evaluated and are designed to assess the quality of food, in order to monitor changes in dietary intake over time and as a basic instrument for development activities nutrition education and promotion of health in the population. Many studies have assessed the quality of food through this index, some showed a positive association between the HEI and the intake of essential nutrients. However few studies HEI correlated with markers of lipid profile. This research is concerned with the emergence of some cardiovascular risk factors in childhood and one of the causes related to this problem would be the type of food that children consume. In order to assess the quality of diet and lipid profile markers a crosssectional study was conducted to investigate the association between the HEI and markers of lipid profile and body mass index in schoolchildren of seven and eight years old, low socioeconomic status. The sample consisted of 305 school children, 173 boys and 132 girls, the overall mean age was 7.7 ± 0.4 years, overweight was diagnosed in 27.2% of children, and 11.5 % were classified as obese. The general average HEI score was 58.8 ± 7.7. This study found a high proportion of children with food consumption that needs to be improved and no child with good quality diet. In addition, we could not show an association between the HEI and serum lipid levels in children. The results of this research combined with intervention studies ever made highlight the need to develop and implement policies and nutrition programs in schools that target children and their families in order to increase the intake of vegetables, fruits and reduce the intake of processed products, sodium and fats.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectChilden
dc.subjectAlimentaçãopt_BR
dc.subjectCriançapt_BR
dc.subjectEating habitsen
dc.subjectBiomarcadorespt_BR
dc.subjectCross-sectional studiesen
dc.subjectBiomarkersen
dc.subjectComportamento alimentarpt_BR
dc.subjectFooden
dc.subjectÍndice de massa corporalpt_BR
dc.titleQualidade da alimentação e sua associação com perfil lipídico e com índice de massa corporal em escolarespt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000822539pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentFaculdade de Medicinapt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescentept_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2011pt_BR
dc.degree.levelmestradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record