Show simple item record

dc.contributor.advisorLanna, Antônio Eduardo Leãopt_BR
dc.contributor.authorCordero, Ademarpt_BR
dc.date.accessioned2020-03-13T04:16:22Zpt_BR
dc.date.issued1988pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/206749pt_BR
dc.description.abstractOs danos causados pelas enchentes podem ser reduzidos através de duas linhas básicas de ações. Uma é através das obras estruturais e a outra pelas medidas não-estruturais. As obras estruturais nem sempre conseguem controlar totalmente as inundações, por isso, a população que corre o risco de ser atingida pelas águas deve aprender a conviver com as enchentes. Para isso, é necessário estabelecer um mecanismo de alerta durante as cheias, que permitam avisar a comunidade o nivel que o rio atingirá, e o momento em que ele vai ocorrer. Isto é possível, através de modelos hidrológicos de previsão de cheia em tempo atual. Um modelo precipitação-vazão para previsão de cheia em tempo atual, baseado no hidrograma unitário (MOPHU), foi aplicado para uma bacia de cabeceira. As previsões foram feitas a partir da chuva efetiva, pela convolução do hidrograma unitário. A chuva efetiva foi determinada deduzindo da chuva total as perdas, e estas, foram determinadas recursivamente através do método índice-Ø. A chuva considerada na previsão foi a que caiu até o momento da previsão, deste momento em diante ela foi considerada nula. A aplicação do modelo foi na bacia de Ibirama (SC) que tem 3314 Km² de área. As previsões foram de 2, 4. 6 e 8 horas de antecedência Os resultados deste estudo foram comparados com os obtidos por Cruz (1987).pt_BR
dc.description.abstractThe harms caused by the floods can be reduced througt two acting basic lines. One is through structural works and other through non-structural. The structural works are not mostly capable of providing for a whole control of the inundation and, consequently, the population which runs the risk in being reached by the waters should learn how to live with the flood. For this, it is necessary to eslablish a warning mechanism during the flood which permits to tell the population the level to be reached by the river and the time which it will occur. This is possible through the forecasting hydrological models in real time. A real time forecasting rainfall-runoff model of flood based on the unit hydrograph (MOPHU) was applied for a headwaters basin. The forecasting were done from the rainfall excess, convolved with the unit hydrograph. The rainfall excess was determined through deducing the losses from the total rainfall, which were determined recursively through the Ø-index method. The rainfall considered in lhe forecasling was the one which fell down up to the forecasting moment, from that moment on it was considered null. The applicability of the model was conducted at lhe Ibirama (SC) basin. with a 3314 km² area. The forecasting were done 2, 4. 6 and 8 hours ahead of time The results of this study were compared with those obtained by Cruz (1987).en
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectPrevisao de cheiaspt_BR
dc.subjectPrevisao hidrologicapt_BR
dc.subjectChuva : Vazãopt_BR
dc.subjectModelos matematicos : Hidrologiapt_BR
dc.subjectItajaí-Açu, Rio (SC)pt_BR
dc.subjectRelacoes chuva escoamentopt_BR
dc.titlePrevisão de cheias com modelos simplificados do processo chuva-vazãopt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000016544pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Pesquisas Hidráulicaspt_BR
dc.degree.programCurso de Pós-Graduação em Recursos Hidricos e Saneamentopt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date1988pt_BR
dc.degree.levelmestradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record