Mostrar registro simples

dc.contributor.advisorGonçalves, Veralice Mariapt_BR
dc.contributor.authorStruckel, Rita de Cássiapt_BR
dc.date.accessioned2018-09-25T10:16:20Zpt_BR
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/182633pt_BR
dc.description.abstractOs prejuízos causados pelo uso de álcool e outras drogas coloca o Brasil entre os cinco primeiros países do mundo em número de acidentes de trabalho. Outras consequências estão relacionadas ao absenteísmo, perda de capacidade laborativa, prejuízos à saúde, conflitos com colegas de trabalho e chefia, além de questões sociais, como prejuízo das relações familiares e dificuldades financeiras. Considerando que esses aspectos também são observados entre os servidores públicos, a Prefeitura Municipal de Umuarama através do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT) oferece atendimento aos servidores com problemas relacionados ao uso abusivo de álcool e outras drogas no ambiente de trabalho. No entanto, para implementação de ações já desenvolvidas, garantia da saúde do trabalhador e recuperação de sua capacidade laborativa, a gestão municipal demonstrou interesse e incentivo para a criação de um Programa de Prevenção ao Uso de Álcool e Outras Drogas a partir do desenvolvimento de Protocolo de Atendimento, que foi o objetivo principal deste trabalho. Para tanto a presente pesquisa compreendeu três etapas distintas que incluiu: 1) a revisão integrativa referente a artigos já produzidos a respeito de intervenções de prevenção ao uso de álcool e outras drogas baseados em evidências; 2) caracterização do perfil da população alvo (servidores públicos municipais); 3) o desenvolvimento de Protocolo de Atendimento. Para a revisão integrativa foram selecionados cinquenta artigos (50) desses, vinte e nove (29) relacionados ao uso de álcool e outras drogas na população em geral e vinte e um (21) em ambiente de trabalho, sendo a Intervenção Breve a intervenção mais pesquisada. Embora não tenha sido comprovado a cessação do uso de álcool e outras drogas em nenhum dos cinquenta estudos (50), a Intervenção Breve foi considerada efetiva na prevenção e redução ao consumo do uso de álcool. Há pouca literatura relacionada à área de prevenção ao uso de drogas além do álcool e, não foi encontrado nenhum artigo com a apresentação de Protocolo de Atendimento. A população-alvo desta pesquisa compreendeu 2.442 servidores públicos municipais distribuídos em quatorze (14) secretarias, duas (2) autarquias e demais locais de trabalho. Cerca de cinquenta (50) servidores receberam atendimento no SESMT para tratamento do uso de álcool e outras drogas e foram encaminhados para a Rede de Atenção Psicossocial (RAPS) do município e região. Desses cerca de 40% reduziram o consumo, 20% mantiveram-se abstinente e 40% mantêm, aumentaram ou não aceitaram tratamento, sendo o álcool a droga mais utilizada (80%) seguido pelo uso de outras drogas (20%). Não foi possível identificar o número de servidores públicos afastados ou aposentados em decorrência XIV do uso de álcool e outras drogas pois, há poucos dados registrados na DRH relacionados ao código de CID F10 (transtornos mentais e comportamentais devidos ao uso de álcool), CID F17 (transtornos mentais e comportamentais devidos ao uso do fumo) e CID F19 (transtornos mentais e comportamentais devidos ao uso de múltiplas drogas e outras substâncias psicoativas). O Protocolo de Atendimento foi desenvolvido em sete etapas,e será implantado pela equipe de profissionais do SESMT no primeiro semestre do ano de 2018, após validação do Secretário de Administração Pública e Diretor de Divisão de Recursos Humanos e será avaliado ao longo de doze meses.pt
dc.description.abstractThe damages caused by the use of alcohol and other drugs places Brazil among the top five countries in the world in number of work-related accidents. Other consequences are related to absenteeism, loss of work capacity, health damage, conflicts with co-workers and management, in addition to social issues, such as the loss of family relationships and financial difficulties. Considering that these aspects are also observed among public servants, the Municipality of Umuarama through the Specialized Service in Safety Engineering and Occupational Medicine (SESMT) already offers service to the servers with problems related to the abusive use of alcohol and other drugs in the workplace. However, in order to implement already developed actions, to guarantee the health of the worker and recovery of their work capacity, the municipal administration expressed interest and incentive for the creation of a Program for the Prevention of Alcohol and Other Drugs stemming from the development of a Protocol of Assistance, which is the main objective of this study. Therefore, the present research comprises three distinct stages that include: 1) the integrative review regarding evidence-based articles concerning preventive interventions to the use of alcohol and other drugs; 2) characterization of the profile of the target population (municipal public servants); 3) the development of a Protocol of Assistance. The study presents fifty selected articles that were evaluated considering their scientific evidence and became reference for the development of a customized Protocol of Assistance. Fifty articles (50) of these, twenty-nine (29) related to the use of alcohol and other drugs in the general population and twenty-one (21) in the work environment were selected for the integrative review, with Intervention Brief being the most researched. Although no cessation of alcohol and other drug use has been demonstrated in any of the fifty studies (50), Brief Intervention was considered to be effective in reducing and prevention of alcohol use. There is little literature related to the area of prevention of the use of drugs other than alcohol, and no article was found with the presentation of Protocol of Assistance. The target population of this research comprised 2,442 municipal public servants distributed in fourteen (14) secretariats, two (2) municipalities and other places of work. Approximately fifty (50) employees received care at SESMT to treat alcohol and other drug use and were referred to the psychosocial network of the municipality and region. Of these, about 40% reduced consumption, 20% they remained abstinent and 40% maintained, increased or did not accepted treatment, with alcohol being the most used drug (80%) followed by use of other drugs (20%). It was not possible to XVI identify the number of retired or retired public servants due to the use of alcohol and other drugs, since there are few data recorded in the HRD related to the CID F10 (mental and behavioral disorders due to alcohol use), CID F17 (mental and behavioral disorders due to the use of smoking) and CID F19 (mental and behavioral disorders due to the use of multiple drugs and other psychoactive substances).The Assistance Protocol was developed in seven stages and will be implemented by the SESMT team of professionals in the first half of 2018, after validation by the Secretary of Public Administration and Director of Human Resources Division and will be evaluated over twelve months.en
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectProtocolospt_BR
dc.subjectTranstornos relacionados ao uso de álcoolpt_BR
dc.subjectTranstornos relacionados ao uso de substânciaspt_BR
dc.subjectUsuários de drogaspt_BR
dc.subjectSaúde do trabalhadorpt_BR
dc.titleUso de drogas e impacto no ambiente de trabalho : desenvolvimento de protocolo de atendimento para servidores públicospt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor-coSousa, Tanara Rosângela Vieirapt_BR
dc.identifier.nrb001075758pt_BR
dc.degree.grantorHospital de Clínicas de Porto Alegrept_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Álcool e Outras Drogaspt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2017pt_BR
dc.degree.levelmestrado profissionalpt_BR


Thumbnail
   

Este item está licenciado na Creative Commons License

Mostrar registro simples