Show simple item record

dc.contributor.advisorRibeiro, Jorge Pintopt_BR
dc.contributor.authorPicon, Paulo Dornellespt_BR
dc.date.accessioned2018-06-27T02:34:08Zpt_BR
dc.date.issued1996pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/179781pt_BR
dc.description.abstractRuptura da placa aterosclerótica e trombose, processos frequentemente desencadeados por atividades do paciente, são atualmente reconhecidos como as causas que desencadeiam as síndromes coronarianas agudas. O entendimento deste fenômeno desencadeante poderia ser melhorado se dispuséssemos de modelos animais confiáveis de ruptura de placa e trombose. O objetivo do presente trabalho foi reproduzir e melhor caracterizar um modelo animal de aterosclerose e trombose arterial induzida agudamente, em coelhos, descrito por Constatinides e Chakravarti há mais de 30 anos e não mais utilizado. Também foi avaliada a viabilidade deste modelo para testes de intervenção farmacológica e o efeito da lesão arterial com cateter balão sobre o tempo requerido para indução do processo de ruptura de placa e trombose arterial. A aterosclerose foi induzida por dieta enriquecida com colesterol, pela lesão mecânica do vaso arterial ou por ambas intervenções. O desencadear de trombose foi feito pela administração de veneno da víbora Russellis, um proteolítico e procoagulante, assocado à histamina, um vasoconstritor em coelhos. No estudo 1, testou-se o modelo de 8 meses, descrito originalmente, e o efeito da lesão arterial com cateter balão, associada ou não à dieta rica em colesterol, sobre a fraquência e a extensão da trombose, independentemente de ter recebido, ou não, a dieta rica em colesterol. No estudo 2, relizou-se um experimento piloto com oácido lisino-salicílico, um reconhecido agente antitrombótico, para testar a viabilidade deste modelo para testes de intervenção farmacológica. Não se detectou diferença significativa tanto no número, quanto no tamanho dos trombos, prossivelmente em função do pequeno número de animais estudados. No estudo 3, verificou-se o efeito da lesão com balão, sem intervenção dietética, sobre a produção de placas vulneráveis à trombose, após 4 meses. Demonstrou-se 80% de trombose nos animais que tiveram sua aorta lesada e uma forte correlação entre um escore de intensidade das lesões histológicas e a extensão da trombose arterial. No estudo 4, testou-se o efeio da vitamina E, um reconhecido agente antioxidadente, sobre a extensão da trombose arterial e a intensidade das lesões histológicas após 4 meses sem intervenção dietética. A vitamina E não reduziu a extensão da trombose nem a intensidade das lesões histológicas. Conclui-se que este modelo pode ser reproduzido e presta-se ao estudo do fenômeno da ruptura de placa e trombose. A lesão mecânica arterial com balão, associada ou não à dieta rica em colesterol, propicia um forte estímulo à formação de placas vulneráveis ao desendeamento agudo de trombose arterial. Por outro lado, as artérias normais foram resistentes ao tramento indutor de trombose. Este modelo represneta um método que pode ser útil para avaliar agentes que diminuem a ocorrência de plavas vulneráveis ou que diminuem a extensão da trombose formada após indução. Este modelo pode ser útil para identificar aspectos relacionados à vulnerabidlidade das placas à ruptura e os agentes farmacológicos que desencadeiam ruptura de placa e trombose. Entretanto, em função do intenso estímulo trombogênico gerado, sugere-se a redução da intensidade da lesão ou das alterações da coagulação ou da vasoconstrição.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectArteriosclerosept_BR
dc.subjectTrombose coronária : Induzida químicamentept_BR
dc.subjectModelos animais de doençaspt_BR
dc.titleTrombose arterial aguda desencadeada farmacologicamente em um modelo animal de aterosclerosept_BR
dc.typeTesept_BR
dc.identifier.nrb000167926pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentFaculdade de Medicinapt_BR
dc.degree.programCurso de Pós-Graduação em Cardiologiapt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date1996pt_BR
dc.degree.leveldoutoradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record