Show simple item record

dc.contributor.advisorClausell, Nadine Oliveirapt_BR
dc.contributor.authorBlume, Gustavo Gavazzonipt_BR
dc.date.accessioned2017-05-20T02:42:25Zpt_BR
dc.date.issued2016pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/158245pt_BR
dc.description.abstractIntrodução: Avaliar a aplicabilidade clínica de um novo aparelho portátil de ecocardiografia em ambiente de prática clínica usual e comparar as concordâncias e discordâncias nos laudos elaborados por ecocardiografistas experientes entre os aparelhos usuais e portáteis. Métodos: Estudo prospectivo realizado entre abril e maio de 2016 com pacientes ambulatoriais previamente agendados para realizar exames de ecocardiografia pelos mais diversos motivos. O exame standard (STD) foi realizado de maneira usual primeiramente for sonógrafo experiente e habilitado e posteriormente revisto e laudado pelo ecocardiografista responsável. Os exames rea lizados com o aparelho portátil (HH) foram realizados e laudados diretamente pelo ecocardiografista. Foram incluídos nos exames STD imagens bidimensionais, por colar Doppler e análise hemodinâmica usual. Análise hemodinâmica esta não real izadas nos exames HH pois tal tecnologia não se encontra disponível no dispositivo utilizado. As imagens real izadas pelas duas modalidades foram independentemente avaliadas e laudadas por dois diferentes ecocardiografistas. Concordâncias e discordâncias entre os laudos foram avaliadas. Resultados : Cento e dez pacientes foram incluídos na amostra com idade média entre 62,4 :!: 16,7 anos. A avaliação de concordância por Lin demonstrou uma excelente correlação de 0,86 na avaliação da estimativa visual da fração de ejeção e de 0,84 na estimativa do escore de contratilidade segmentar. O valor de K para a estimativa da disfunção ventricular foi de 0,85, O, 78 para a presença ou ausência de alterações segmentares, 0,6 para a graduação da hipertrofia ventricular, 0,83 para a estimativa do tamanho ventricular direito e 0,82 para a estimativa da função ventricular direita. Analise valvardemonstrou valor κ de 0,42 para a avaliação da regurgitação mitral, 0,56 para regurgitação aórtica, 0,96 para avaliação de estenose mitral e 0,82 para avaliação de estenose aórtica. A concordância para avaliação de insuficiências tricúspide e pulmonar demonstroucse extremamente baixa com valores κ respectivamente de 0,26 e 0,25. Em 50% dos pacientes foram encontrados dados discordantes principalmente secundários a insuficiências valvares!e!avaliação das dimensões atriais. Conclusão:Emambiente similar a pratica clinica diária, em mãos experientes, os exames executados em aparelhos portáteis apresentam boa concordância com as maquinas usuais nas avaliações ventriculares (tamanho e função). Porém achados discordantes foram encontrados em 50% dos pacientes principalmente devido a discordância na avaliação de regurgitações valvares e de dimensões atriais. A disseminação no uso de aparelhos portáteis deve ser feita com ressalvas e cautela mesmo por pessoas experientes.pt
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectComputadores de mãopt_BR
dc.subjectUltrassonografiapt_BR
dc.subjectEcocardiografiapt_BR
dc.subjectExame físicopt_BR
dc.subjectAvaliação da tecnologia biomédicapt_BR
dc.titleAparelhos portáteis de ecocardiografia (Handheld devices) : concordâncias e discordâncias em seu uso na prática clínica diáriapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001021452pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentFaculdade de Medicinapt_BR
dc.degree.programPrograma de Pós-Graduação em Cardiologia e Ciências Cardiovascularespt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2016pt_BR
dc.degree.levelmestradopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record