Show simple item record

dc.contributor.advisorSchmitt, Carin Mariapt_BR
dc.contributor.authorPayeras, Daniela Rodriguespt_BR
dc.date.accessioned2007-07-11T21:49:40Zpt_BR
dc.date.issued2005pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/10159pt_BR
dc.description.abstractO setor da Construção Civil no Brasil e no mundo é um dos setores da economia que mais geram resíduos, contribuindo para a degradação do meio ambiente e consumo de energia. Esta pesquisa, na forma de um estudo de caso, em edificação multifamiliar em fase de execução na cidade de Porto Alegre/RS, identificou a produção de resíduos gerados particularmente pela personalização de apartamentos durante a execução da obra. Este resíduo tem origem diferente dos tradicionais problemas abordados de forma ampla na bibliografia, como por exemplo, erros de execução, mão-de-obra não qualificada, transporte e projetos incompletos. A personalização de unidades residenciais é uma realidade na Construção Civil no Brasil, sendo mais um item gerador de resíduos sólidos, caso o projeto e execução da obra não tenham sido elaborados estrategicamente para executar esse tipo de obra. Há necessidade de haver um controle maior, estabelecer limites, vincular as práticas de projeto, obra e comercialização. Com o intuito de analisar esse problema, foram realizados o levantamento e a quantificação dos materiais relacionados com as modificações solicitadas pelos proprietários das unidades durante a sua execução, com o objetivo de mensurar o volume de entulho gerado devido às solicitações de personalização por parte dos clientes. Apesar do resultado não ser altamente expressivo em volume de resíduos sólidos ou em valores em moeda corrente, percebe-se que há um acréscimo do já grande volume de entulho gerado nas obras Para demonstrar o significado dos resíduos sólidos gerados somente pelo processo de personalização no empreendimento estudado, é feita uma comparação do seu aproveitamento em um protótipo de habitação de interesse social conhecido como Casa Alvorada. Através desse trabalho, é demonstrada a importância do planejamento de uma obra dessa natureza, não só para as tradicionais motivações, mas sob o enfoque ambiental e social. Nesta modalidade de empreendimento, onde necessidades particulares tomam forma e há a predominância do desejo individual sobre o coletivo, além de comprometer o andamento da obra e, particularmente o seu prazo de entrega, gera desperdícios de materiais em ótimo estado e mão-de-obra, desconsiderando, em última análise, os danos ao meio ambiente e à sociedade.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectResíduos sólidospt_BR
dc.subjectDesenvolvimento sustentávelpt_BR
dc.subjectConstrução civilpt_BR
dc.titleLevantamento dos resíduos sólidos gerados pela personalização não planejada de apartamentos : estudo de caso em Porto Alegre/RSpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000525845pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentEscola de Engenhariapt_BR
dc.degree.programCurso de Mestrado Profissional em Engenhariapt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2006pt_BR
dc.degree.levelmestrado profissionalpt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record