Show simple item record

dc.contributor.authorLevien, Renatopt_BR
dc.contributor.authorFurlani, Carlos E. A.pt_BR
dc.contributor.authorGamero, Carlos A.pt_BR
dc.contributor.authorConte, Osmarpt_BR
dc.contributor.authorCavichioli, Fábio Alexandrept_BR
dc.date.accessioned2013-08-01T02:40:54Zpt_BR
dc.date.issued2011pt_BR
dc.identifier.issn0103-8478pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/76511pt_BR
dc.description.abstractO presente estudo teve como objetivo avaliar parâmetros operacionais de um conjunto mecanizado envolvendo trator e semeadora, assim como o rendimento da cultura do milho semeada nas diferentes configurações das máquinas e combinações com o ambiente de produção. Os tratamentos consistiram de tipos de sulcadores (discos duplos e hastes), os quais foram avaliados em experimentos em que a operação de semeadura direta do milho foi efetuada transversalmente ao declive (em nível) e em aclive e declive. A semeadura contra o declive e o uso de haste sulcadora implicaram maior demanda de esforço de tração, patinagem do trator e consumo de combustível por área trabalhada e não influenciaram o volume de solo mobilizado, a população de plantas e a produtividade de grãos do milho, em relação à operação realizada em declive e uso de sulcador de discos duplos, respectivamente. A utilização de sulcador do tipo haste resultou em menor número de plantas acamadas e quebradas, em relação ao uso de discos duplos, independentemente do sentido da operação. A principal diferença entre semear em nível ou em declive é a formação de sulcos orientados no sentido do terreno, pela ação de sulcadores do tipo haste e elevada patinagem dos rodados do trator, já que o consumo de combustível por área trabalhada e capacidade operacional não foram afetados por aquelas variáveis.pt_BR
dc.description.abstractThis study aimed to evaluate the operational parameters of a series of mechanized tractor and seed drill, and corn yield planted in different settings and combinations of machines with the production environment. Treatments consisted of types of fertilizer furrow (double discs and shanks), which were tested in experiments in which the operation of corn direct seeding was performed across the slope (in level) and direction of slope (for and against). Sowing against the slope and the use of shank implied a higher demand of traction effort, skating the tractor and fuel consumption per area worked, and didn’t affect the volume of soil mobilized, population of plants and grain yield of corn in relation to the operation for the use of slope and furrow discs doubles, respectively. The use of furrow shank type t resulted in fewer plants broken and lodged plants in relation to the use of double discs, regardless of the direction of operation. The main practical difference between level sow or direction of the slope is the formation of grooves oriented in the same direction, by the action of furrow shank and the high shaft of the tractor wheel slip since the fuel consumption per area worked and operation capacity were not affected by those variables.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofCiência rural, Santa Maria. Vol. 41, n. 6 (jun. 2011), p. 996-1002pt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectPlantio diretopt_BR
dc.subjectSeed drillen
dc.subjectPower draften
dc.subjectMilhopt_BR
dc.subjectFuel consumptionen
dc.subjectMáquina agrícolapt_BR
dc.subjectProdutividadept_BR
dc.subjectCorn yielden
dc.titleSemeadura direta de milho com dois tipos de sulcadores de adubo, em nível e no sentido do declive do terrenopt_BR
dc.title.alternativeNo tillage of corn with two types of fertilizer furrow across and towards the slope of land surface en
dc.typeArtigo de periódicopt_BR
dc.identifier.nrb000817101pt_BR
dc.type.originNacionalpt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record