Show simple item record

dc.contributor.advisorMoraes, Jose Ciceropt_BR
dc.contributor.authorTobar, Julian Bertassopt_BR
dc.date.accessioned2013-04-13T01:45:58Zpt_BR
dc.date.issued2012pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/70279pt_BR
dc.description.abstractAo longo dos tempos a área do treino no futebol tem sido objeto de estudo e inquietação, seja no campo técnico ou investigativo, já que este processo, reconhecidamente, possui um papel determinante no desenvolvimento qualitativo de equipes e jogadores de futebol. Embora quase todos reconheçam que treinar é preciso, a forma de conceber e operacionalizar o treino não é compartilhado por todos do mesmo modo. Neste sentido, contrariamente ao que se tem observado como linha norteadora ao longo dos anos, a partir da intuição fundamentada, dos conhecimentos, reflexões e das vivências de terreno do professor Vítor Frade, surge a Periodização Tática (PT). Trata-se de uma metodologia de treino que possibilita transgredir o institucionalizado, oferecendo outra visão conceitual e operativa de se treinar futebol. Embora esta concepção venha sendo desenvolvida e aperfeiçoada desde a década de 70, sua essência é pouco conhecida, especialmente no Brasil. A partir destes pressupostos, no sentido de contextualizar a essência desta metodologia, o presente estudo convergiu aos seguintes propósitos: (1) evidenciar o impacto da filosofia cartesiana no futebol; (2) fornecer uma lógica de entendimento do treino e do jogo através da perspectiva sistêmica; (3) evidenciar que o jogo, apesar da sua extrema complexidade, aleatoriedade e envolvência caótica, apresenta regularidades, identificando-se padrões, podendo por isso ser modelado; (4) explicitar que a dimensão Tática sobredetermina as outras dimensões do jogo, assumindo-se, portanto como uma SupraDimensão; (5) desvendar as características da competição e suas implicações para o processo de treino; (6) tornar evidente a necessidade de se treinar em função de uma ideia de jogo, operacionalizando-a através do respeito de um conjunto de três princípios metodológicos e da repetição sistemática do Morfociclo Padrão; (7) justificar a Periodização Tática tendo por base conhecimentos das neurociências. Para o atendimento destas intenções, realizamos uma pesquisa bibliográfica complementada com três entrevistas a profissionais plenamente identificados com esta proposta de treinar, que nos permitiram explorar e revelar a organização concepto-metodológica da PT. Ao final deste processo, foi possível identificar, a partir da metodologia adotada, que a Periodização Tática expressa uma permanente preocupação, no seu procedimento de treino, com o desenvolvimento e a aquisição hierarquizada de um jogar, nos seus múltiplos níveis de organização, tendo como referência operacional a repetição sistemática do Morfociclo Padrão. Outro aspecto deste estudo, que também absorvemos, é que a PT parece afigurar-se como uma significativa alternativa a ser seguida no âmbito metodológico do treino de futebol. E isto, segundo nosso entendimento, pode ser justificado em razão de que seus indicadores conceituais e operacionais parecem atender com propriedade, desde que levada a efeito com muito bom senso e sensibilidade contextual (divina proporção), as devidas necessidades de preparação para o treino/jogo/competição na modalidade de futebol.pt_BR
dc.description.abstractThroughout times the area of training in football has been object of studies and concerns, either on the technical or investigation fields, since this training process has an acknowledged importance on the development of football teams. Even though almost everyone recognize the importance of training, the way to conceive and operationalize it isn’t shared by everybody in the same path.In this way, oppositely of what has been observed as the directing line throughout the years, comes a new vision born from the knowledge and experiences on the field by Professor Vítor Frade, known as Tactical Periodization. A Training methodology which offers a new conceptual vision of how to operate and train in football. Although this conception has been developed and perfected since the decade of 1970, its essence it’s not very known, especially in Brazil. Through this assumptions, in order to contextualize the essence of this methodology, this study converged into the following topics: (1) evidence the impact of the Cartesian philosophy in football; (2) provide a logic of understanding the training and the game through a systemic perspective; (3) evidence that the game, even though it is complex and has a caotic envolvement, it presents regularities, identifying patterns, being able to be shaped; (4) explaining that Tactic dimension rules the other dimension in the game, taking over as a supreme dimension; (5) Reveal the characteristics of the competition and its implications to the training process; (6) make clear the need of training according an idea of game, operationalizing it through three methodological principles and the systematic repetition of the “Standard Morfocicle”; (7) Justify the Tactical Periodization having in count the knowledge of neurosciences. For the treatment of this intentions, we developed a bibliographic search complemented with three interviews with professionals fully identified with this methodology, which allowed us to explore and reveal the concept and methodological organization of the Tactical Periodization. By the end of this process, we were able to identify, from the methodology adopted, that the Tactical Periodization expresses a permanent concern in its training procedure with the development and the hierarchical acquisition of a playing style, in its multiple organization levels, having as an operational reference the systematic repetition of the “Standard Morfocicle”. Other aspect of this study, which we have also understood, is that the Tactical Periodization seems to shape as an alternative to be followed in methodological area of football. And this, according to our understanding, can be justified by its conceptual and operational indicators which seem to attend with priority, since well followed and with very good sense and contextual sensibility (divine proportion), the needs of preparation for training/game/competition in actual football.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectFutebol : Treinamento desportivopt_BR
dc.subjectTactical periodizationen
dc.subjectFootballen
dc.subjectTrainingen
dc.subjectSpecificityen
dc.subjectShapeen
dc.subjectPlayen
dc.titlePeriodização tática : explorando sua organização concepto-metodológicapt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000876525pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentEscola de Educação Físicapt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2012pt_BR
dc.degree.graduationEducação Física: Bachareladopt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record