Show simple item record

dc.contributor.authorLopes, Rodrigo Ramospt_BR
dc.contributor.authorFranke, Lucia Brandaopt_BR
dc.date.accessioned2010-06-03T04:17:51Zpt_BR
dc.date.issued2010pt_BR
dc.identifier.issn0101-3122pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/23308pt_BR
dc.description.abstractO teste de condutividade elétrica tem potencial para ser empregado no controle de qualidade pelas empresas produtoras de sementes, no entanto há fatores que podem afetar os resultados obtidos. O objetivo do trabalho foi avaliar o efeito do número de sementes, volume de água e o tempo de embebição na condutividade elétrica da solução, para avaliação do vigor em sementes de azevém. O experimento foi conduzido utilizando-se quatro lotes de sementes de azevém. O teste foi realizado à temperatura de 25 ºC, por períodos de 1, 2, 4, 6, 8 e 24 horas de embebição, em 50 e 75 mL de água deionizada, utilizando-se 50 e 100 sementes. Os tratamentos constituíram um fatorial, utilizando-se o delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. A utilização de quatro subamostras de 50 sementes puras embebidas em 50 mL de água deionizada é promissora para a realização do teste de condutividade elétrica em sementes de azevém a partir de uma hora de embebição das sementes.pt_BR
dc.description.abstractThe electrical conductivity test has the potential to be used by seed companies in quality control but some factors can affect the results of the EC. The object of this study was to evaluate the effect of the number of seeds, water volume and the imbibition time on the electrical conductivity of the solution, on ryegrass seed vigour. Four lots of common ryegrass seeds were used. The test was made at 25 ºC, at imbibition testing times of 1, 2, 4, 6, 8, and 24 hours, in 50 and 75mL water, using 50 and 100 seeds. The treatments constituted a factorial, using a completely randomized design with four repetitions. The use of four subsamples of 50 pure seeds soaked in 50mL of de-ionized water is promising for the use of the electrical conductivity test of ryegrass seeds conducted after 1 hour of soaking.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.relation.ispartofRevista Brasileira de Sementes, Brasília. Vol. 32, n. 1 ( 2010) p. 123-130pt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectSementept_BR
dc.subjectPhysiological potentialen
dc.subjectAzevémpt_BR
dc.subjectIntegrity of membranesen
dc.subjectFisiologia vegetalpt_BR
dc.subjectVigouren
dc.titleTeste de condutividade elétrica para avaliação da qualidade fisiológica de sementes de azevém (Lolium multiflorum L.)pt_BR
dc.title.alternativeElectrical conductivity test to evaluate the physiological quality of ryegrass (Lolium multiflorum L.) seeds en
dc.typeArtigo de periódicopt_BR
dc.identifier.nrb000742095pt_BR
dc.type.originNacionalpt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record