Show simple item record

dc.contributor.advisorAlves, Caleb Fariapt_BR
dc.contributor.authorCury, Cristina Noronhapt_BR
dc.date.accessioned2021-01-19T04:10:11Zpt_BR
dc.date.issued2018pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/217421pt_BR
dc.description.abstractThe pole dance gain fans in Brazil in the last decade, and the first dance studio was inaugurated in 2008. Pole dancing is a controversial practice and has multiple meanings. Many people can associate it with a nightclub dance performed by strippers. Others may think of it as a physical leisure activity, a sport or an art. In fact, there are several forms of pole dance and, worldwide, a differentiation between the artistic, sportive and sensual. To explain the meanings of pole dance today, I focus on the contest between sensual pole dance and pole sports. I present these two forms, the different meanings they attribute to pole dance and the relationships they construct with gender and space, in the attempt of social legitimacy. To understand the dispute of meanings between sensual pole dance and pole sports, I use as keys to think about gender and public versus private space. This work is an exploratory analysis on the theme, carried out with a bibliographical survey and qualitative character.en
dc.description.abstractO pole dance vem ganhando adeptos no Brasil, na última década, sendo que o primeiro estúdio de dança especializado foi inaugurado em 2008. O pole dance é uma prática controversa e que possui múltiplos significados. Muitas pessoas podem associá-lo a uma dança de boate, realizada por strippers. Outras podem pensá-lo como uma atividade física de lazer, um esporte ou uma arte. De fato, existem várias formas de pole dance e, mundialmente, uma diferenciação entre as modalidades artística, esportiva e sensual. Para explicar os diversos significados do pole dance hoje, realizei um recorte enfocando a disputa entre pole dance sensual e pole esportivo. Apresento essas duas formas, os diferentes sentidos que atribuem ao pole dance e as relações que constroem com o gênero e o espaço, na tentativa de legitimidade social. Para entender a disputa de significados entre o pole dance sensual e pole esportivo, levando em consideração que é uma atividade predominantemente feminina, utilizo como chaves para reflexão as ideias de gênero e de espaço público versus privado. Este trabalho é uma pesquisa exploratória sobre o tema, realizada com levantamento bibliográfico e de caráter qualitativo.pt_BR
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectPole dancept_BR
dc.subjectDança e erotismopt_BR
dc.subjectEsportespt_BR
dc.subjectEstudos de gêneropt_BR
dc.titlePole dance : considerações sobre a prática e sua multiplicidadept_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001078782pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Filosofia e Ciências Humanaspt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2018pt_BR
dc.degree.graduationCiências Sociais: Bachareladopt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record