Show simple item record

dc.contributor.advisorBasso, Luis Albertopt_BR
dc.contributor.authorRonconi, Ingrid da Silvapt_BR
dc.date.accessioned2018-10-09T02:33:42Zpt_BR
dc.date.issued2018pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/183164pt_BR
dc.description.abstractAo longo das décadas, após a sua emancipação do município de Viamão, o município de Alvorada, no Rio Grande do Sul, teve uma expansão e um aumento populacional desordenado, que gerou diversos problemas socioambientais devido à falta de controle e de planejamento. O bairro Americana, em Alvorada, está inserido, mais precisamente, em parte na planície de inundação do arroio Feijó e do rio Gravataí, no setor inferior da bacia hidrográfica do arroio Feijó, que divide os municípios de Viamão, Alvorada e Porto Alegre. Este estudo proporcionou a análise dos impactos ambientais negativos decorrentes da ocupação desordenada do município em relação ao arroio Feijó no bairro Americana, as consequências socioambientais na área e as causas dos alagamentos e inundações no bairro. A pesquisa foi realizada levando em consideração os dados socioambientais, através de pesquisa bibliográfica e histórica, saídas a campo, registros fotográficos, entrevistas com funcionários de órgãos públicos e moradores, questionário para elaboração de gráficos, imagens aéreas antigas, imagens de satélite atuais e análise de mapas temáticos e tabelas. O ecossistema do arroio Feijó está muito degradado no bairro Americana, assim como, em toda a sua bacia hidrográfica, ficando evidente a relação entre o arroio, os resíduos sólidos, as inundações e os alagamentos. O principal impacto ambiental negativo observado no arroio é o descarte inadequado de resíduos sólidos pela população, por falta de consciência ambiental. Conforme observado ao longo do trabalho, a responsabilidade pela degradação ambiental do arroio Feijó e do seu entorno é da população, assim como, dos governos municipais de Alvorada, Viamão e Porto Alegre. É necessário o investimento em educação ambiental, reciclagem, locais apropriados para o descarte de resíduos que os caminhões do lixo não coletam, tratamento de esgoto e recuperação de áreas degradadas. Os problemas de inundação e alagamento, também, são originados pelo descarte inadequado dos resíduos sólidos e são agravados por obras com aterros realizadas nos municípios vizinhos, já que as inundações do rio Gravataí tendem a seguir na direção do bairro Americana devido ao relevo plano e baixo, típico da planície de inundação. A prefeitura de Alvorada, como forma de prevenir os problemas de inundação e alagamento, realiza o procedimento de dragagem do arroio Feijó. Segundo a SMAM e a Defesa Civil do município as dragagens preventivas são eficientes para diminuir os efeitos negativos das inundações. Uma das soluções para os problemas de inundação é a implantação do projeto de sistema de proteção contra as cheias e a remoção das famílias das áreas de risco. Outro problema da área é o lançamento de efluentes domésticos in natura nos afluentes do arroio Feijó, localizados em Viamão, além da ligação do esgoto cloacal no esgoto pluvial, em Alvorada e Viamão, contaminando os cursos fluviais em direção ao rio Gravataí, que serve como fonte de abastecimento de água para vários municípios da RMPA. É evidente a situação de vulnerabilidade social e ambiental do bairro Americana.pt
dc.description.abstractAlong the decades, after its emancipation of Viamão, the city of Alvorada, in Rio Grande do Sul, had a disordered expansion and a population increase, that created different social and environmental problems due to a lack of planning and out of urbanization control. The Americana Neighborhood, in Alvorada, it’s located, precisely at part of Feijó Stream and Gravatai River’s floodplains, at the hydrographic basin’s mouth of Feijó Stream, which divides the cities of Viamão, Alvorada and Porto Alegre. This study purposed the analysis of negative environmental impacts resulted by messy occupation of the city with relation to Feijó Stream at Americana Neighborhood, social and environmental consequences at the area and causes of inundation and flooding in the neighborhood. The research was realized taking in consideration social and environmental data, by bibliographic and historical research, fieldwork, photos, interviews with civil servant and residents, questionnaire to make graphics, old aerial images, current satellite images and analysis of thematic maps and tables. The Feijó Stream ecosystem is very degraded in Americana Neighborhood as all its hydrographic basin, being obvious the relation between the stream, garbage, inundation and flooding. The main negative environmental impact noticed at the stream is the improper disposal of solid waste by people, because of a lack of environmental conscious by people. As noticed along this survey the responsibility for the environmental degradation of Feijó Stream and its surrounding area it’s from people as from the Alvorada, Viamão and Porto Alegre City Council. It’s necessary to investment on environmental education, recycling, an appropriate place to disposal solid waste that garbage trucks don’t collect, sewage treatment and recovery of degraded areas. The problems of inundation and flooding are also started by the improper disposal of solid waste and reinforced by public works with landfill in neighbors’ cities, as the inundation from Gravataí River tend to go to Americana Neighborhood due to the typical floodplain’s low relief. Alvorada City Council, as a way to prevent the inundation and flooding problems, makes dredging at the Feijó Stream. According to government agencies the preventive dredging is efficient to reduce negative effects from inundation. A flood protection system to be implemented and remove families from risk areas promises to be one of the solutions against inundation problems. Another problem at the area is the domestic effluents being thrown into the Feijó Stream’s affluents, in Viamão, besides the connection between the sewer and the drainage systems, in Alvorada and Viamão, contaminating watercourses that go toward Gravataí River, used as water supply to many cities in the Metropolitan Area of the city of Porto Alegre. It’s obvious the social and environmental vulnerable situation of Americana Neighborhood.en
dc.format.mimetypeapplication/pdfpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectFeijó streamen
dc.subjectUrbanização : Impacto ambientalpt_BR
dc.subjectInundações urbanaspt_BR
dc.subjectSolid wasteen
dc.subjectDredgingen
dc.subjectDragagempt_BR
dc.subjectInundation and floodingen
dc.subjectResiduos solidos : Meio ambiente : Eventospt_BR
dc.subjectUrbanizationen
dc.subjectFeijó, Arroio (RS)pt_BR
dc.titleAnálise ambiental do Arroio Feijó no bairro Americana em Alvorada, RSpt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001077387pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Geociênciaspt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2018pt_BR
dc.degree.graduationGeografia: Bachareladopt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record