Show simple item record

dc.contributor.advisorFermino, Fabiana Schumacherpt_BR
dc.contributor.authorDos Santos, Ingrid Teixeirapt_BR
dc.date.accessioned2018-02-27T02:24:22Zpt_BR
dc.date.issued2017pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/172958pt_BR
dc.description.abstractAs lagoas Marcelino Ramos, Peixoto e Pinguela fazem parte do complexo de lagoas costeiras do Litoral Norte do Rio Grande do Sul, estão situadas no município de Osório/RS e pertencem à Bacia Hidrográfica do Rio Tramandaí. São classificadas de acordo com a resolução CONAMA nº 357/2005 como sendo Classe 4, Classe 1 e Classe 1, respectivamente. A lagoa Marcelino Ramos, com ligação direta com as demais lagoas deste estudo através de um canal - recebe uma considerável carga de esgoto proveniente do município de Osório. Neste sentido o presente trabalho traz uma análise dos dados limnológicos e bacteriológicos das três lagoas costeiras avaliando oito variáveis limnológicas que são: temperatura da água, oxigênio dissolvido, demanda bioquímica de oxigênio, fósforo total, nitrogênio amoniacal, potencial hidrogeniônico e condutividade, e coliformes fecais. O objetivo geral foi registrar a possível atenuação de carga poluidora que ocorreu ao longo das três lagoas costeiras, e ao longo de todo período estudado – 1993 até 2013, assim como comparar os dados das estações inverno e verão. Como principal resultado observou-se que, ao longo dos vinte anos de estudo e independentemente da estação inverno ou verão, a variável coliformes fecais foi a mais determinante separando a lagoa Marcelino Ramos das demais.pt_BR
dc.description.abstractThe Marcelino Ramos, Peixoto and Pinguela lagoons are part of the coastal lagoons complex of the Northern Coast of Rio Grande do Sul, they are located in the municipality of Osório / RS and belong to the Tramandaí River Basin. They are classified according to CONAMA Resolution No. 357/2005 as Class 4, Class 1 and Class 1, respectively. The Marcelino Ramos lagoon, with direct connection with the other lagoons of this study through a canal - receives a considerable load of sewage from the municipality of Osório. In this sense, this work presents an analysis of the limnological and bacteriological data of the three coastal lagoons, evaluating eight limnological variables: water temperature, dissolved oxygen, biochemical oxygen demand, total phosphorus, ammoniacal nitrogen, hydrogenation potential and conductivity, and fecal coliforms. The general goal was to record the possible mitigation of the pollutant load that occurred over the three coastal lagoons, and throughout the studied period - 1993 to 2013, also to compare the data of the winter and summer seasons. As the main outcome, during the twenty years of study and independently of the winter or summer season, it was observed that the variable fecal coliforms was the most determinant separating the Marcelino Ramos lagoon from the others.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectCoastal lagoonsen
dc.subjectLagoas costeiras : Rio Grande do Sul, Litoral nortept_BR
dc.subjectLimnologia : Lagoas : Rio Grande do Sulpt_BR
dc.subjectLimnological variablesen
dc.subjectQuality of wateren
dc.titleAnálise de vinte anos de dados limnológicos e bacteriológicos nas lagoas costeiras eutrofizadas do litoral norte do Rio Grande do Sul - Marcelino Ramos, Peixoto e Pinguela (Osório, RS)pt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb001059855pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Biociênciaspt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2017pt_BR
dc.degree.graduationCiências Biológicas: Ênfase em Gestão Ambiental, Marinha e Costeira: Bachareladopt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Files in this item

Thumbnail
   

This item is licensed under a Creative Commons License

Show simple item record