Mostrar el registro sencillo del ítem

dc.contributor.advisorSleifer, Pricilapt_BR
dc.contributor.authorGrotto, Kamilapt_BR
dc.date.accessioned2017-02-21T02:26:15Zpt_BR
dc.date.issued2013pt_BR
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10183/152780pt_BR
dc.description.abstractObjetivo: analisar os achados do potencial evocado auditivo de longa latência e cognitivo (P300) em indivíduos afásicos. Métodos: amostra composta por 12 indivíduos afásicos em decorrência de acidente vascular cerebral, foram avaliados dez do gênero masculino e dois do gênero feminino, com idades entre 49 e 72 anos. Todos foram submetidos à pesquisa do potencial evocado auditivo de longa latência e cognitivo (P300) no serviço de fonoaudiologia do Hospital São Lucas da PUCRS, Porto Alegre/RS. Resultados: observou-se que quando foi estimulada a orelha esquerda os valores foram significativamente maiores para as latências das ondas N1 e P2. Houve associação significativa entre idade e latência de N1 e amplitude de P1N1 quando foi estimulada a orelha direita. Sete indivíduos obtiveram respostas ausentes para o P300. Nos indivíduos que apresentaram o P300, verificou-se como média de latência 369,7 ms e 8,6 μV como média de amplitude. Conclusão: verificou-se valores maiores de latências e amplitudes quando a estimulação foi realizada pela orelha esquerda, embora houve diferença estatística significante somente entre amplitude de P1N1 e latência de P2. Observou-se correlação estatística entre idade e latência de N1 e amplitude P1N1 na estimulação pela orelha direita. Verificou-se correlação entre idade e latência de P300.pt_BR
dc.description.abstractObjective: to analyze the findings of the auditory evoked potentials of late latency and cognitive (P300) in aphasic individuals. Methods: sample of 12 aphasic individuals due to a stroke. There were ten male and two female individuals, in the ages between 49 and 72. All individuals were submitted to the auditory evoked potential of late latency and cognitive (P300) research in the speech-language pathologists department at São Lucas Hospital at PUCRS, Porto Alegre/RS. Results: it was found out that the latency waves N1 and P2 were significantly increased by the left ear stimulation. There has been a significant association between age and latency of N1 and amplitude of P1N1 when the right ear was stimulated. Seven individuals got absent results for P300. The individuals who presented the P300 had average latency of 369,7 ms and average amplitude of 8,6 μV. Conclusion: we verified superior values of latency and amplitudes when the stimulation was held in the left ear, although there was a significant statistical difference between amplitude of P1N1 and latency of P2. It was observed a statistical correlation between age and latency of N1 and amplitude P1N1 with the left ear’s stimulation. It was verified a correlation between age and latency de P300.en
dc.format.mimetypeapplication/pdf
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsOpen Accessen
dc.subjectAuditory evoked potentialsen
dc.subjectAfasiapt_BR
dc.subjectEletrofisiologiapt_BR
dc.subjectElectrophysiologyen
dc.subjectAphasiaen
dc.titleAchados do potencial evocado auditivo de longa latência e cognitivo (P300) em indivíduos afásicospt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de graduaçãopt_BR
dc.identifier.nrb000912332pt_BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal do Rio Grande do Sulpt_BR
dc.degree.departmentInstituto de Psicologiapt_BR
dc.degree.departmentFaculdade de Odontologiapt_BR
dc.degree.localPorto Alegre, BR-RSpt_BR
dc.degree.date2013pt_BR
dc.degree.graduationFonoaudiologiapt_BR
dc.degree.levelgraduaçãopt_BR


Ficheros en el ítem

Thumbnail
   

Este ítem está licenciado en la Creative Commons License

Mostrar el registro sencillo del ítem